sábado, junho 23, 2007

Babits Tokaji Aszú 5 puttonyos 2000

Neste Tokay a linha força está na fruta. Primeiramente impressionou-me mais na boca do que no nariz, mas o tempo veio alterar essa percepção. Aroma e paladar dominados pelo pêssego com algumas notas de manga. O sabor tornou-se um pouco enjoativo. Por mim prefiro a linha mais tradicional dos Tokay.

Origem: Tokay - Hungria
Produtor: Babits
Nota: 6/10

6 comentários:

RAIOS E CORISCOS disse...

Gosto do seu blog e vou aprendendo com ele. Não seria possível indicar, a título informativo, qual o preço médio dos vinhos apreciados? Gostaria de provar alguns...se carteira aguentasse.

Copo de 3 disse...

Numa iniciativa d´ O Copo de 3, decorrerá no próximo dia 7 de Julho, nos Claustros do Convento dos Capuchos, em Vila Viçosa, o evento Vinum Callipole 2007, com a participação de alguns produtores de vinho, a nível nacional.

Herdade das Servas, Ervideira, Cortes de Cima, Herdade da Malhadinha Nova, Herdade do Portocarro, Alves de Sousa, Azamor Wines, Adega Cooperativa de Borba, Vinhos Dona Berta, Álvaro de Castro, Bago de Touriga, Quinta da Lagoalva… (em breve a lista definitiva).

Um evento em que poderá provar o que de melhor eles têm para nos oferecer, assim como, e de um modo informal, falar com produtores, enólogos e responsáveis, sobre os vinhos presentes, o que têm no mercado e as novidades que estão para aparecer.

Claustros do Convento dos Capuchos, uma atmosfera calma e relaxante


VINUM CALLIPOLE – 2007


7 Julho | 16h – 20h00

Claustros do Convento dos Capuchos Vila Viçosa

Entrada: 5 €
Copo Schott Din Sensus incluído


Linha de Informação: 967 344 226

copo_de_3@hotmail.com (reserva de entradas)
www.copod3.blogspot.com

Nota: as entradas são limitadas, aconselha-se a reserva com antecedência.

João Barbosa disse...

Caro Raios e Coriscos: O preço do vinho varia de sítio para sítio. Além do mais que valor colocar? O do produtor? O do distribuidor? O do restaurante?
Sabe, nas revistas de vinhos vêem-se muitas vezes preços de vinhos e o curioso é que muitas outras vezes não se consegue encontrar os vinhos ao preço que dizem. Isso acontece por várias razões. Porque o produtor estima por baixo as margens do comércio ou "faz charme" face aos jornalistas, porque o comércio carrega nas margens posteriormente, porque houve evolução da situação de mercado, etc.
Por essas mesmas razões, aqui não queremos pôr os preços dos vinhos. Não nos interessa. Por outro lado temos diversas fontes de abastecimento. Enquanto as revistas tem os vinhos de graça e perguntam o preço, nós compramos o vinho... e fazemo-lo em vários locais. Ora, há sítios mais caros do que outros. Também nos oferecem vinho. Por todo este somatório de razões não damos informações sobre preços.
Saudações

joaoRedrose disse...

Dear João,

parece que o
gotaepinga.blogspot.com
lá conseguir largar
uns gotitas...

saludos, joão rosé

vindimador disse...

sei que deve haver vinhos novos para apresentar no blog, mas não há meio de os ver. que se passa?

P.Rosendo disse...

Peço desculpa mas não tenho tido tempo desde que vim de férias para actualizar o blog. em breve muitos mais virão.